Vamos viajar!

18/05/2015

Dizem que algumas pessoas são mordidas pelo mosquitinho da viagem. Não chegamos a ser considerados viciados em viagens, mas, quem não gosta de conhecer lugares novos? Dizem também que quando vamos chegando perto dos 30 passamos por uma crise existencial. Também não estamos tããão perto assim dos 30, mas gostamos de nos adiantar. Alguns acontecimentos na vida nos chamam a atenção para o estilo que estamos levando, e paramos para pensar: é nessa loucura toda que queremos viver até o fim?

São Paulo é uma cidade incrível, sempre defendi a terra da garoa (Na), mas ela realmente está sendo difícil de lidar. Brasil é um país lindo, maravilhoso, incrível e que está passando por um amadurecimento histórico. Mas é preciso pegar fôlego para enfrentar tudo isso.

E é isso que vamos fazer: vamos pegar um ar lá fora. Decidimos respirar novos ares por um semestre quase que sabático. Vamos juntar nossa vontade de viajar, nossa vontade de conhecer o novo e nossa vontade de voltar! Não queremos uma coisa melhor, queremos apenas descobrir o que tem lá fora e trazer para cá o que conseguimos aprender de melhor.

Acreditamos que o momento é agora. O Mundo vai estar constantemente em conflitos, não há como esperar a Paz Mundial. O Brasil continuará sempre aqui para nos receber, não há com o que se preocupar. Não queremos fugir de nada, ao contrário, estamos juntando forças para seguir.

Medo de largar tudo? Todo o trânsito, todas as contas, todas as obrigações. Não, não estamos com medo.

Aqui postaremos nossas experiências, roteiros e furadas. Aqui ficarão registradas nossas visões do mundo lá fora. Começa em menos de um mês- 04 de junho. Nos esforçaremos para deixar o blog sempre atualizado, e nossas inspirações compartilhadas!

Vamos viajar

Na e Mateus

Comentários:

  1. Nathalia, eu fico muito feliz por saber da iniciativa de vocês e sei, porque já vivi bem mais do que você, que serão experiências únicas, para serem lembradas vida afora. Nada nunca substituirá isso! Eu desejo que tudo saia bem, que sejam surpreendidos apenas por coisas boas que encontrem no caminho, novas amizades e possibilidades. E deixo registrado algo que há tempos penso em te dizer, mas ainda guardado aqui comigo: tenho certeza de que sua mãe teria um puta orgulho de ver a mulher bacana que ela colocou no mundo! Eu teria muito, muito orgulho de ter uma filha assim, como você! Felicidade e muita sorte sempre: no Irã, no Iraque, Na Turquia…na China…por onde quer que ande! Leve na mala o meu carinho e a minha admiração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *