Um lugar encantando no sul do mundo

08/08/2017

Selva Patagônica. Este nome já chama atenção. Inclua uma montanha mágica, seres mágicos e um bosque nevado, lá no sul do Mundo, na patagônia chilena. Esse é o reino de Huilo Huilo, uma reserva biológica de 100 mil hectares no sul do Chile. É grande mesmo, então vamos por partes: A reserva biológica localizada nos Andes Austrais é uma das 25 eco regiões mais valiosas e ameaçadas do planeta. Então, uma família rica do Chile resolveu preservar a área e fazer o turismo sustentável!

Dentro desta grande área de Huilo Huilo, beirada pelo rio Fuy e entre os vilarejos de Neltume e Puerto Fuy, há 5 hotéis, além dos locais para camping, trilhas sem fim, cervejaria e muita floresta! Além disso, no inverno é possível subir as montanhas e praticar algumas atividades de neve.

patagônia chilena
Bosque Nevado de Huilo Huilo
patagônia chilena
Quedas no Rio Fuy, de água cristalina

Dos 5 hotéis, 3 são interligados por uma só recepção. Os outros dois são hotéis de luxo: um fica na beira do rio e o outro fica no vilarejo de Puerto Fuy, de frente para o lago. Não tem o que fazer nos vilarejos, então todas as atividades são oferecidas pelo Huilo Huilo, inclusive as refeições.

Falando da parte hoteleira, há alguns programas a escolher: basicão só com café, meia pensão, pensão completa ou o all inclusive, incluindo aqui também os passeios pagos. Ainda em hotéis, uma das principais atrações: o Montaña Mágica. De arquitetura simpática, é um mundo encantado, perfeito para crianças. Mas são poucos quartos, difícil conseguir se hospedar ali. Mas não tem problema, o Nothofagus, principal hotel do grupo, fica a poucos passos de distância. Este foi o hotel que ficamos.

patagônia chilena
O simpático Montaña Magica
patagônia chilena
Nothofagus Hotel, em meio à floresta chilena

Quartos aconchegantes, mas sem diferenciais. Inclusive nem TV tem! A programação é abrir a cortina e curtir o visual! De manhã uma bela vista para as montanhas nevadas! Optamos pelo pacote meia pensão, onde você escolhe entre almoço e jantar. No primeiro dia estava tudo gostoso, mas já no terceiro bateu aquele enjoo. As comidas se repetem muito e não são criativas. Talvez porque a gastronomia chilena não seja tão rebuscada assim. Sempre uma carne cozida, um peixe e uma carne de porco estilo Natal. Os doces deixam a desejar, mas os frios e saladas podem ser bons acompanhamentos para a cerveja local, a Petermann. Aliás, se quiser variar um pouco o cardápio, dá pra curtir a noite na cervejaria que fica em frente ao hotel e lá eles servem salada ou pizza (pagos à parte).

Sentimos o serviço um pouco confuso. Eles têm um bar super legal, mas não estava em funcionamento, por exemplo. Outro dia tentamos pedir um licor pós jantar e disseram que estava fechado, só estavam servindo cervejas (?). Na piscina aquecida também tinha um espaço, mas sem ninguém para servir um aperitivo. Faltou um pouco de movimentação e vida, logo lá, que por todos os lados dizem ter seres mágicos, duendes, fadas…

Mas, claro, esses são pequenos detalhes que, pelo preço cobrado, deveriam ter um pouco mais de cuidado. A energia e o clima do lugar é incrível e te faz se desligar do resto do mundo.

patagônia chilena
Quarto do Nothofagus é aconchegante, mas sem diferenciais
patagônia chilena
Bar no Nothofagus

Quanto Custa?

Como já falamos, são cinco hotéis disponíveis para escolher, com preços variados. Além disso, tem as cabanas que são mais modestas e para quem busca um lugar mais barato pra ficar.

Huilo Huilo Nothofagus Hotel & Spa – R$ 700 a diária

Huilo Huilo Reino Fungi Lodge – R$ 700 a diária

Huilo Huilo Montaña Mágica Lodge – R$ 711 a diária

Huilo Huilo Marina del Fuy Lodge – R$ 560 a diária, porém esse hotel fica um pouco mais afastado, cerca de 2 km de distância dos outros hotéis

Huilo Huilo Nawelpi – R$5.000 a diária(!!!)

patagônia chilena
Belas trilhas ao redor de Huilo Huilo

Como chegar na patagônia chilena

Huilo Huilo fica no sul do Chile. De Santiago você pode pegar um avião para Temuco ou para Valdívia, em 1 hora de voo. De ambas cidades são mais 2h30 de carro, em uma estrada bem tranquila. O hotel oferece o transfer por cerca de R$720, que dá pra dividir em até 6 pessoas. Como não tinha nenhum hospede querendo o traslado no mesmo dia que nós, encontramos um outro motorista na internet que nos cobrou cerca de R$ 480.

Se quiser uma viagem mais roots, ouvimos de um hóspede que a viagem de ônibus desde Santiago demora 12 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *